385
  • 1
  • 04.07.16
  • Publicações
  • Pixel inDesign
  • Agita SP
  • 2408

Revista In(FORMAÇÃO) nº08

Caro Educador, quanto maior a participação dos jovens nos processos decisórios, maior é o diálogo que a escola estabelece. Assim, convidamos você a caminhar com o olhar curioso desse adolescente e jovem de nossas comunidades e, a deliciar-se com os textos desta revista, podendo conhecer a história de nossa gente.

O percurso pelas páginas promete! Por isso, tome fôlego para adentrar a Gincana da Comunidade Educativa da Rede Escolaí, apreciar as frutas e flores literárias da Diretoria de Suzano e sentir o aroma perfumado da Leitura Programada na Diretoria de Assis. Mais adiante, encontrará outros exemplos a serem seguidos: Sala de Leitura, PMEC e Programa Escola da Família, em Apiaí – parceria que rendeu história boa para se contar e avivou o compromisso de se ter em pauta o protagonismo juvenil.

Delicie-se com a feira de livros na Diretoria Caraguatatuba e saiba que em Jales, Monteiro Lobato é nosso grande parceiro. Nesta caminhada prazerosa, você conhecerá o projeto Quem falta faz falta, terá a chance de saber o que vem sendo feito na Diretoria Votorantim e, ainda, contabilizar mais esta ideia: a turma do Elmo, Grove, Bel, Lily que chegam às escolas da Diretoria Centro para preparar a educação financeira das crianças.

É isso e mais! Perceberá que o Grêmio Estudantil de Botucatu acelerou o passo. Verdade! Processo eleitoral com urna eletrônica e tudo!

Ah, conheça também o Clube de Leitura – parceria com a Companhia das Letras –, que promove o gosto pela literatura e dá ao estudante bolsista condições para que se torne mais sensível e capaz para boas escolhas de autores e títulos e, simultaneamente, mais hábil na leitura.

Sem pressa nesta caminhada, pare em Parapuã, ali encontrará mãos adolescentes na Oficina de Padaria Artesanal; além de aprenderem, esses jovens levam para casa as receitas e técnicas para as mães e, quem sabe, uma boa opção de renda extra.

Prepare-se para a largada de xadrez na Diretoria Campinas Oeste e para mais uma possibilidade cultural: a projeção dos filmes Ladrões de Bicicletas e a Cor do Paraíso.

Em Americana, você ainda poderá “embarcar” em algum skate e sentir-se novamente adolescente, quando ler O Amor por entre o verde, de Vinicius de Moraes. Reviverá as mesmas momices e brincadeiras, tão típicas dessa fase da vida. E, trazendo à tona essas memórias, reacenderá os anseios e os clamores juvenis e, quem sabe, terá uma compreensão mais humana do adolescer.

Boa leitura!

Ana Maria Stuginski
(Coordenadora Geral do PEF/FDE)

DOWNLOAD DA REVISTA